Mensagem de Nosso Senhor Jesus Cristo à Sua amada filha Luz de Maria, 16 de junho de 2018

 

Meu Povo amado:

 

Quanto vos amo, quanto vos amo, tanto que quando os vejo afastando-se de Mim, Minhas Mãos e Pés são perfurados por novos pregos!

 

Meu Povo:

 

Se cada filho Meu se permitisse um instante em silêncio e falasse Comigo com confiança todos os dias e Me procurasse, perceberia que Eu permaneço com os Meus e encontrar-Me-ia a cada momento em tudo o que Me faço presente. Porém não conseguem sentir a Minha Presença porque o silêncio causa-lhes medo, é algo desconhecido para a maioria dos Meus filhos.

Eles temem o silêncio e amam o barulho ensurdecedor …
Se matêm bem sendo atordoados pelas músicas repulsivas que os jovens ouvem …
Sentem prazer permanecendo-se dentro do que Eu chamo de “tecnologia da morte”, que, mal utilizada, leva a alma a se perder …

Tem sido ensinados pelos gigantes do mundo, entre eles o sempre aceitado cinema, de onde se têm derivado os tentáculos pérfidos do Anticristo como a televisão, videogames, música com todos os elementos subliminares envolvidos na transformação do homem em um zumbi seguidor de satanás.

 

Filhos: o maior mal do homem tem sido a televisão!

 

Que são os modernismos, Meus filhos?

Não é outra coisa que um plano que tem sido gestado pelas grandes multinacionais com um objetivo de despertar no homem os instintos baixos para que este se revolte contra tudo o que é ordem, obediência, paz, fraternidade, cumprimento, fé e se rebele contra Mim e contra tudo o que Me pertence, já que Eu chamo ao cumprimento, a obediência e ao Amor verdadeiro…

Meu povo, o quanto tens ignorado a Minha Mãe! Quanto Ela vos tem chamado para não deixar que a serpente do comunismo vos engane! Sofrem na raíz do desprezo por aceitarem falsas ideologias e por não ouvirem os alertas da Minha Mãe.

Os inocentes sofrem atrocidades em países onde não podeis nem imaginar. Minha Mãe vos anunciou o horror do comunismo mas não escutaram, filhos, isso está disperso pela terra em sigilo e Meu Povo não sente o veneno que se espalha sobre ele.

Meu Povo está imerso nos jogos que envolvem o mundo, enquanto o mal continua seu avanço sem contemplação, aplicando a impiedade e todo o ardil do próprio inferno.

Filhos, a tristeza embarga Meu Coração ao ver o empenho, a entrega, a energia com que se dedicam ao ver ou participar das competições mundiais de esportes e, ao mesmo tempo como ignoram as Minhas Palavras, que dirijo a cada um de vós que possuem a sorte de conhecer o rumo da humanidade e Minha Vontade.

A humanidade não crê no que virá no futuro, não acreditam que participam do mal, não acreditam que ajudam o mal a se espalhar pela Terra e ganhar almas, levando-os a cometer pecados graves, sem arrependimento.

O bem cresce quando Meus filhos aumentam suas ações e obras em prol do bem e o mal crescem quando Meus filhos agem e atuam em favor do mal. Não sejam cegos, a humanidade queima em pecados! Por esta razão Eu chamo os Meus para redobrar seus bons atos para que enquanto o mundo é consumido no mundano, Meu Povo, com oração e a praxe da oração, atraia as bênçãos para a Humanidade.

 

-Rezem Meus filhos, rezem pela Nicarágua, este povo sofre ante a opressão do comunismo.

-Rezem Meus filhos, rezem pela Rússia, a humanidade se dispersa como um exemplo do que acontecerá ao homem por causa desta nação.

-Rezem Meus filhos, rezem pelo Equador, estremecerá por seus vulcões que arderão.

-Rezem Meus filhos, rezem pelo México, seus vulcões causam medo ao homem.

-Rezem meus filhos, rezem, as águas do mar serão motivo de alarme.

Meu Povo, sofrereis, e Meu lado se abrirá, e dele brotará purificação, essa que tens gestado contra Minha Vontade. 

-Rezem Meus filhos, rezem pela Argentina, dá passos errados e sofre.

 

Filhos, vos chamo, vos falo com palavras atuais, deste instante, para que compreendam, não vos falo como no passado, mas com a linguagem necessária para que Me sintam perto. Fazem mau uso da liberdade que possuem como Meus filhos e atuam contra Mim, sem perceber que estão agindo contra si mesmos.

 

Escutem Meu clamor Meus filhos!

 

Eu não desejo que se consumam com a dor, mudem o proceder, não se alimentem uns aos outros com o pecado e a negação dos Meus Avisos e os da Minha Mãe.

Meu Povo não viverá para sempre na escravidão do pecado, pelo que Meus Anjos separarão o trigo do joio, agora! (cf. Mt 13, 24-30).

Eu vos ajudo filhos, não decaiam na Fé, mantenham a Esperança. Meu Povo será libertado da escravidão do pecado.

Eu vos abençôo, filhos, acordem!

 

 

Vosso Jesus

Ave Maria Puríssima, sem pecado concebida
Ave Maria Puríssima, sem pecado concebida
Ave Maria Puríssima, sem pecado concebida

 

 

Fonte: https://www.revelacionesmarianas.com/index.htm via http//www.sinaisdoreino.com.br

Publicações Relacionadas

Leave a Comment