Quem é quem na Nova Ordem Mundial? Arquitetônico da Besta

09 de fevereiro de 2019
Estamos chegando ao fim deste extraordinário trabalho de pesquisa sobre a Nova Ordem Mundial , conduzido – exclusivamente para La Tribuna de España – pelo professor José Antonio Bielsa . Uma obra que – uma vez finalizada e devidamente ampliada – se tornará um livro essencial que o mercado está exigindo e na primeira publicação do novo selo editorialEdiciones Tribuna do GRUPO Tribuna de España .
“O mundo está dividido em três categorias de pessoas: um número muito pequeno que produz eventos, um grupo um pouco maior que garante a execução e observa como eles acontecem e, finalmente, uma grande maioria que nunca sabe o que aconteceu em realidade “.
Nicholas Murray Butler , ganhador do Prêmio Nobel da Paz de 1931 (e membro do CFR)
A estrutura que deve desaparecer é a nação “. (Edmond A. de Rothschild)

 

Estado da questão

 

Uma das maiores dores de cabeça ao estabelecer uma suposta hierarquia da NOM* é a relativa à disposição realista exata (ou, de outra forma, mais ou menos precisa) das relações existentes de poder entre seus vários partidos.
Quem direciona quem? O que está acima do que? Por que isso é assim e não o contrário? Questões intricadas que exigirão um alto nível de discernimento por parte do leitor.
Nos últimos anos, alguns analistas propuseram suas respectivas teorias hierárquicas, sempre com resultados controversos, mas à medida que o estudioso se aproximou, a sensação sempre pareceu a mesma: faltam peças!Ou o Tudo não é explicado com a devida precisão, já que suas partes não são bem conhecidas. É desnecessário dizer que o mapa hierárquico exato / correto da NOM neste momento está apenas nas mãos da oligarquia da elite e, à medida que o contexto é modificado, esse mapa também mudará sua aparência, progressivamente labiríntica.
Nesta ocasião (e que será a nossa maior audácia nesta edição), decidimos usar uma desinformação (bastante criticada em 2019), Alexander Backman, que em 2006 desenvolveu um organograma – primeiro de uma série – extraordinariamente meticuloso e verdadeiro (não confundir veracidade com a verdade) da elite mundial. A primeira vez que pude ver, achei que era uma daquelas piadas sofisticadas / fraudes eruditas circulando na web; revisado ao longo dos anos e visto o curso dos acontecimentos, é muito familiar para ser tomado como uma piada … O que é realmente interessante sobre este organograma não é tanto o seu conteúdo (bem reconhecível), como o exato arranjo hierárquico deles na pirâmide de poder. Agora eles vão perguntar: mas se Backman é um desinformador, por que devemos dar crédito a ele? Resposta: pelo simples fato de oferecer informação e desinformação ao mesmo tempo. É verdade que Backman é um autor da nova era quimicamente pura (mais um), mas com informações privilegiadas precisas: seu organograma parece afligido pela característica retórica da ” Era de Aquário ” (sem valor para nós), mas não é desprezível ; conseqüentemente, será suficiente remover as partes da nova era e deixar o resto como está. O resultado anterior excluído, esvaziado de ambiguidades e confusão, seria este:
1.- ” O Rebanho “
A enorme base dessa pirâmide descompensada dá as boas-vindas a 99% da população mundial sem possibilidade. Esses 7.3 bilhões de cabeças de cobaias humanas de laboratório / laboratório são o campo de teste da NOM: “almas incorporadas tecnologicamente controladas ” ou ” consumidores inutilizáveis “, são algumas das expressões esclarecedoras usadas para descrever a borregiza. Nós não vamos expandir mais.
2.- ” Os Pastores I “: Os Servos
Um passo acima, temos os servos da NOM, que só podem se identificar com os meios de comunicação do Sistema (TV, rádio, imprensa, etc.), todos os manipuladores: CNN, CBS, ABC, BBC, NBC, MSNBC, FOX, Univisión, Telemundo, Televisa, TV Azteca, etc. Controle totalmente as áreas mais visíveis da Internet. Seu alcance alcança a moda, a música pop degenerada, o mundo sórdido do espetáculo, a literatura luciferiana do desperdício ( Harry Potter ), etc. De sua clássica fábrica central de pesquisas (Tavistock) às suas grandes fábricas (Hollywood), esses lacaios do Sistema conseguiram controlar as mentes por causa de suas múltiplas ferramentas de propaganda e condicionamento, cada dia mais sofisticadas / aperfeiçoadas.
A característica mais perturbadora desses servos é que eles não são manipulados por uma entidade imediatamente superior, mas a essência de seu trabalho é a própria manipulação, então qualquer pretexto vale (especialmente se for econômico) desenvolver seu ” trabalho ” sinistro. “Sem expressar o menor escrúpulo: basta olhar para a rede de televisão da Espanha ( Mediaset ,RTVE , etc) para confirmar consternado como sinistra galeria de fantoches e histriones pretende direcionar nossas vidas e dizer o que temos que fazer e pensar a partir da” caixa bobo
3.- ” Pastores II “: os Buscadores
Um nível acima dos fornecedores de fetiches gordurosos e drogas placebo destinados à destruição da mente e à submissão do corpo, achamos que os fornecedores do novo dogma religioso-sincrético-pragmático são caros para a NOM: eles são os buscadores de almas, é digamos todo o conluio Luciferiano daNova Era , desde o arco que vai da Cientologia à Teosofia passando pelas mais prestigiadas organizações gnósticas e luciferianas (por exemplo, Lucis Trust / Lucifer Editora), ocultismo, magia e satanismo, ou as tradições babilônicas e os mistérios egípcios (que conhecemos hoje através das fontes originais, mas também graças a Iamblico e outros filósofos neoplatônicos anticristãos).
Fala-se hoje do declínio da Nova Era, mas não se pode esquecer que sua conquista foi certa e que já foi bem amortizada: o surgimento de novas seitas e cultos herméticos varreu o Ocidente nos últimos anos ; Na Espanha, por exemplo (especialmente entre um público feminino afastado da doutrina católica ou a filosofia do bom senso espanhol), o triunfo dessas bugigangas tem ressoado: você começa frequentando cursos de ioga ou reiki enquanto as lojas esotéricas começam a freqüentar … e de vez em quando (apenas espere), a NOM terá alcançado seu propósito no plano espiritual-intelectual: criar um sujeito ” ego-maníaco ” sem outras garras morais ou princípios de solidariedade estável do que ” bem-estar pessoal integral “(sic):” Você pode curar sua alma “(é a mensagem do guru ou curador de plantão); ou ” Você tem que voltar pelo caminho antigo (…) para retornar até chegar ao novo caminho que combina com você, com o seu corpo ” (Bruno Gröning).
Um exemplo concreto dessa tendência: vamos ao site daquela ONG com representação na ONU que é a Lucis Trust de Alice Bailey, em cujo portal de boas-vindas estamos expostos (mal criptografados) sua filosofia esotérica: “Lucis Trust é dedicado para a criação de um novo e melhor modo de vida para todos no mundo, baseado no cumprimento do plano divino para a humanidade. Lucis promove a educação da mente humana para que os princípios e valores espirituais nos quais uma sociedade mundial estável e interdependente possa se basear possam ser reconhecidos e aplicados “. Como você pode ver, ideologia globalista global em todas as regras diluídas em vapores esotéricos.
Não podemos terminar este sub-tema sem dedicar algumas palavras ao Conselho Mundial de Igrejas (precedente do que será a Super-Igreja Universal da NOM) e ao seu pai espiritual moderno, o jesuíta francês Pierre Teilhard de Chardin, que derramou xarope pouco ortodoxo pela mão sob o pretexto de suas ” investigações antropológicas “. Um filósofo de vida curta e antropólogo medíocre, Pe. Teilhard (que morreu em 1955) seria uma daquelas referências claramente maçônicas-progressistas do Concílio Vaticano II: esse ecumenismo com uma linha grossa, sincrética e panteísta ao mesmo tempo, envolve um perigoso componente hermético. e ocultista; Estas palavras do Padre Teilhard sobre Jesus Cristo (o grande inimigo para derrotar a NOM) confirmarão a premonição de suas idéias: “(Ele é) o motor essencial de uma humanização que leva a uma ultra-humanização”. A deriva cósmica se move na direção de um estado incrível, quase monomolecularno qual cada ego está destinado a atingir seu paroxismo em algum superego misterioso … Só que a integração pode fazer aparecer a forma do futuro homem, na qual o homem terá alcançado totalmente o fim e o topo do seu ser “(!).
4.- ” O manipulado “
Neste ponto, a pirâmide de poder proposta por Backman começa a se complicar em várias ramificações (grupos e ordens secretas): se o movimento da Nova Era se inseriu no passo anterior (apesar de ser o núcleo duro de ” The Shepherds “) ) também foi incluída em ” The Manipulated “, aqui encontramos uma série de entidades maçônicas de baixa tensão, clubes profissionais, fundações filantrópicas e vários contubernios divididos em uma curiosa divisão tripartite (A – B – C), com duas partes inferiores (A: lojas azuis e ” pedreiros sem aventais “, por um lado, e B: Ordem Rosacruz, Cabalismo [sic], Tibet Bön, etc., por outro) e uma parte superior (C: Maçonaria Branca, Rotary Club, YMCA , Shriners, etc.) acima dos anteriores.
Há pouco para comentar, como de costume:
(A): as lojas azuis contemplam os três primeiros graus simbólicos do rito escocês: aprendiz, companheiro e professor; quanto aos ” franco-maçons sem aventais “, seriam aqueles sujeitos que, sem ter passado pelos rigorosos rituais maçônicos, têm um perfil pessoal que poderia ser categorizado como “maçônico ” (aos olhos de um maçom, é claro); Apesar de sua aparente modéstia, não é aconselhável subestimar esses grupos (importantes por causa de seu grande número), e cujas relações de poder visam ter um efeito nos níveis trabalhista e corporativo, já que sua força real vem de sua coesão.
(B): A literatura sobre a Ordem Rosacruz é enorme: essa fraternidade que é definida como ” esotérica, iniciática e tradicional “, bem como ” dedicada ao estudo e desenvolvimento das faculdades superiores dos seres humanos ” goza de grande visibilidade e aceitação em nossos dias; Quanto ao ” Cabalismo ” (sic), o gnosticismo ou a antiga religião animista de Bön, para dar alguns exemplos, deve ficar claro (sublinhando) a persistência de um componente neopagão, indubitavelmente ligado a todos os tipos de cultos ancestrais profundamente anticristãos.
(C): Conhecido é o modus operandi dos Rotary Clubs, associações de empresários e profissionais, sob cuja fachada de filantropia e boas intenções bate uma filosofia muito específica, de marcada orientação maçônica e espírito sectário. Para não ser repetitivo e aborrecer o leitor, podemos muito bem passar um véu sobre os nomes remanescentes de entidades fornecidos por Backman, nem todos (é claro) igualmente proeminentes ou significativos na Espanha ( Shriners International , etc.).
5.- ” Os Manipuladores “
No equador da pirâmide estão, por um lado, os clássicos organismos maçônicos regulares (Rito de York, Rito Escocês) juntamente com os governos em curso, em qualquer de suas apresentações impostas: comunismo-totalitarismo, socialismo, capitalismo-liberalismo, etc. Este ponto – que deve ser estendido muito e duramente, o que este artigo não permite – pode nos levar a certas controvérsias: se concordamos ou discordamos, o fato é que a desnaturalização dos governos durante o século 20 fomentou novas formas de gestão baseadas em em um claro investimento em todas as ordens, o que perturbou a essência natural do Estado: estar a serviço da nação passou a utilizá-la para seus propósitos mais desavisados.
6.- Oligarquia dos Illuminati
Com essa escada, entramos no chamado ” ninho de cobras “, onde a alegada oligarquia dos Illuminati opera a partir de 1º de maio de 1776 (dia e ano da Declaração de Independência dos Estados Unidos, que coincide – não coincidentemente) com a data de fundação da Ordem dos Illuminati da Baviera). Backman propõe quatro etapas hierárquicas, a saber (em viagens ascensionais):
A) Núcleo central da filosofia luciferiana e dos ritos da magia negra: os teóricos, filósofos e ideólogos do movimento (do arco que vai de um satanista altista como Aleister Crowley a um proeminente lógico e filósofo como Bertrand Russell) seriam localizados nessa escada; Juntamente com entidades como a OTO (Ordo Templi Orientis), a Ordem da Golden Dawn ou os próprios Jesuítas (!), Backman inclui nesta região a muito poderosa cabana sionista judaica B’nai B’rith. Uma leitura cuidadosa da parte mais baixa da oligarquia nos informa que, nesse nível, o trabalho espiritual-intelectual prevalece sobre o puramente político-econômico.

 

B) Comitê do 300: outras fontes (John Todd) falam de um Conselho de 500;este espaço incluiria entidades globalistas como o Bohemian Club, o CFR, a RIFA, a UE, o G8, a ONU e o Clube de Roma, bem como as empresas transnacionais (e, depois delas, os grandes bancos sistémicos); Há 110 anos, Walter Rathenau expressou o funcionamento desse Comitê nestes termos: “Trezentos homens, todos eles se conhecem e dirigem o destino econômico do mundo e escolhem seus sucessores entre si “.

 

C) Conselho de 33: composto pelos 33 maçons do mais alto escalão do mundo, ligados às mais poderosas entidades globalistas visíveis: a Mesa Redonda Industrial, a Comissão Trilateral e o Clube Bilderberg.

 

D) Conselho dos 13: na linhagem de Icke, Backman fala das ” 13 famíliasrústicas ” (entendemos que é um eufemismo para evitar possíveis represálias);o que é evidente, como exposto pelo especialista Damián Galerón – quando se trata da identidade e origem do Anticristo – em seu artigo ” As duas bestas do Apocalipse “, é que estaríamos falando sobreas 13 dinastias judaico-sionistas (Illuminatis) satânico), que são os que controlam todo o sistema financeiro mundial e todos os governos do mundo “. Essas 13 famílias têm um sobrenome, e Backman as fornece com precisão meticulosa: Astor, Bundy, Collins, Dupont, Freeman, Kennedy, Li, Onassis, Reynolds, Rockefeller, Rothschild, Russell e Marlborough ; Alguns desses sobrenomes podem ser chocantes (Kennedy), outros não (Rothschild, Rockefeller). Este Conselho acolhe treze druidas, provenientes de cada uma das famílias acima mencionadas.
7.- Grau 360 – Iluminação (?)
Se chegarmos ao topo da pirâmide, nos encontraremos com o chamado ” Olho da Providência “, que não é o olho de Deus, o Pai, como alguns cândidos passaram a acreditar, mas o Udyat, o olho do deus egípcio Horus, um Uma entidade pagã (ou seja, um demônio) que simboliza o Sol. O que é cozido neste grau de iluminação suprema é uma questão de todo ponto desconhecido e inacessível ao mundo: a mais recôndita da zona escura não permite conjecturas ou ambigüidades, então omitiremos qualquer tentativa de investigar, como malsucedida (…); vamos finalmente dar a palavra ao próprio Backman: ” Nos níveis mais altos da hierarquia da Maçonaria, chega-se ao (360) grau e, portanto, ao Iluminismo! A maioria dos maçons acha que o grau mais alto é de 33 graus, porque eles ainda não foram selecionados para subir e entrar nos círculos do mundo . “
***********
Nota
Quando esta série de artigos sobre a NOM – que publicamos exclusivamente em La Tribuna de España – chegar ao fim, ofereceremos uma extensa bibliografia que incluirá trabalhos gerais, fontes, estudos monográficos e artigos em publicações, bem como uma página na qual Certifique-se das referências desta investigação.
José Antonio Bielsa Arbiol exclusivamente para La Tribuna de España

 

 

Fonte: https://religionlavozlibre.blogspot.com/2019/02/quien-es-quien-en-el-nom-arquitectonica.html

 

 

Noto do site:

 

NOM* = Nova Ordem Mundial

 

Jesus Cristo: Permanecei atentos que os grandes poderes dos Illuminati e dos Maçons imporão o que não é a Minha vontade e o Meu povo será perseguido (22-05-2016)

 

Virgem Maria: O colapso global fará surgir dez potências que utilizarão todos os meios possíveis para que se apresente o executor da tribulação da Igreja de Meu Filho (09-09-2015)

 

Virgem Maria: A instauração de uma religião única eliminará a religião que o Meu Filho instaurou (07-10-2016)

 

#309 – MASONS  &  ILLUMINATI
#13  SECRET SOCIETIES

 

 

Publicações Relacionadas

Leave a Comment

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.